Ligação Arcos-Barca-Braga

Arcos de Valdevez, Ponte centenária
Arcos de Valdevez, Ponte centenária

Estendo a procurar uma informação sobre a estrada 202, deparei-me com um relatório sobre a rede viária do Alto Minho.

Lembrando-me da afirmação do Sr. Presidente da Câmara quando nos referimos à ligação Monção-Braga, em que defendia a ligação à fronteira de Lindoso, dei uma leitura breve.

Claramente, o que é defendido, além da continuação do IC1, é a requalificação ou construção de uma nova via entre a Ponte da Barca e Braga!

Alguns extractos:

“Eixo Ponte da Barca – Lindoso

As condições de acessibilidade existentes actualmente satisfazem as necessidades de mobilidade de pessoas e bens neste eixo, pelo que as vias existentes desempenham a sua função de forma satisfatória.

No que concerne ao IC28, os resultados do Cenário em que se efectuou a avaliação (Cenário 1) desta opção revelaram claramente que não se estimam impactes positivos significativos que justifiquem a sua construção. Este facto este que associado aos fortes impactes ambientais e aos resultados do estudo de rentabilidade económica, justifica a sua não concretização. ”

“Ligação Ponte da Barca – Braga

Nesta ligação a situação actual deixava antever a existência de debilidades de funcionamento da rede na envolvente alargada a Braga, condicionantes para uma boa articulação das sedes de concelho do eixo central da área em estudo. Tais debilidades reflectiam-se em níveis de serviço inferiores a C sobre alguns troços da EN101atingindo o nível de serviço E em particular a Sul de Vila Verde. A abordagem a este problema foi realizada considerando a requalificação do actual eixo da EN101 (Cenários 1 a 3) e a construção de um troço variante à EN101 entre Ponte da Barca e Prado, a Sul de Vila Verde. Constata-se que ambas as abordagens apresentam benefícios em termos de desempenho viário do eixo, possibilitando que a ligação Ponte da Barca – Vila Verde se possa processar integralmente em nível de serviço C ou superior, sendo que apenas a concretização da nova ligação viária permitirá que essas condições se mantenham em continuidade até Braga, através da via variante, ainda que sobre o corredor da EN101 seja expectável a manutenção dos níveis de desempenho do Cenário de referência. ”

O relatório completo:

http://www.inir.pt/portal/LinkClick.aspx?fileticket=jfNBsCzhNpI%3d&tabid=141&mid=762&language=pt-PT

http://www.inir.pt/portal/RedeRodoviária/EstudosdeAvaliaçãodaRRN/Estudos/AltoMinho/AvaliaçãoAmbientalEstratégica/tabid/141/language/pt-PT/Default.aspx

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s